SINDARE - Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins
13/09/2013 - 00h21m

Autoridades e defensores do Fisco prestigiam abertura do Seminário "Fisco Forte, Estado Forte"

 

Autoridades municipais, estaduais e federais, além de auditores fiscais e comunidade em geral prestigiaram a abertura oficial do  I Seminário do Fisco Tocantinense “Fisco Forte, Estado Forte” - Porque investir no Fisco também é investir na qualidade de vida da população.  O evento é uma realização do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do estado do Tocantins – SINDARE e a Associação dos Auditores Fiscais do Tocantins – AUDIFISCO.

Fizeram parte da composição de mesa do Seminário o vereador e auditor fiscal, Pastor João Campos; o procurador geral do Estado, Andre Luis Matos; o coordenador geral de Registro Sindical do Ministério do Trabalho, Cesar Haiachi; o presidente da Febrafite – Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais, Roberto Kupisk; presidente da Fenafisco - Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital, Manoel Isidro; o secretario estadual da fazenda, Marcelo Olímpio, representando o Governador Siqueira Campos; o deputado federal , João Dado; e o presidente do SINDARE e da AUDIFISCO, Jorge Couto.

Para o vereador Pastor João Campos, o seminário reflete o momento importante em que o fisco vive em todo o país. “Temos que mostrar para toda a sociedade que a classe fiscal contribui socialmente nas áreas da saúde, educação e segurança, e com um fisco independente, podemos contribuir ainda mais”.

O procurador do Estado, Andre Matos, destacou a importância do fisco e dos procuradores andarem de mãos dadas. “Com esta parceria os resultados são os mais positivos possíveis, ou seja, teremos politicas públicas implementadas e, com um fisco independente, com formação adequada e rigidez da execução fiscal, consequentemente a arrecadação vai aumentar, o que vai beneficiar toda a população”, afirma Matos.

O presidente da Fenafisco elogiou o tema do seminário. “Um fisco forte consequentemente trará um Estado Forte. Eu acredito nisso e todos nós devemos acreditar, principalmente investindo nas aprovações das Leis Orgânicas Tributárias de cada estado”, disse Manoel Isidro.

Em seu discurso, o coordenador geral de Registro Sindical, Cesar Hiachi, explicou que vem desenvolvendo ações para fortalecer os sindicatos brasileiros e acabar com os sindicatos fantasmas que não tem qualquer representatividade.

Roberto Kupisk, presidente da Febrafite, defendeu a realização de seminários como o que esta sendo realizado no Tocantins. “Encontro como este traz a qualificação profissional e a troca de experiência entre os Estados trás subsídios para que lutemos juntos pela nossa independência”, relata Kupisk.

O deputado federal João Dado, um dos defensores da categoria em todo o Brasil, fez questão de marcar presença no seminário tocantinense. Para o deputado, a independência funcional da carreira, defendida por ele na Câmara dos Deputados com a PEC 186, é a principal  aliada. “Se trabalharmos com dedicação, ética, serenidade, transparência e independência funcional passaremos de algozes da sociedade por defensores públicos do erário, porque só assim a sociedade vai entender o nosso real papel que é de cumprir e fazer o cumprir”, relata o Deputado Federal João Dado.

Durante suas considerações, o secretário estadual da fazenda, Marcelo Olímpio, reiterou sua posição a favor da  aprovação da Lei Orgânica Tributária Tocantinense. “Sou a favor de um fisco forte, independente e estruturado”.

Finalizando os discursos da noite, o presidente do SINDARE e da AUDIFISCO, Jorge Couto, agradeceu a presença de todos e reforçou o intuito do seminário. “Reunindo diversas opiniões, pensamentos, inciativas, criamos um ambiente de debate necessário para a troca de experiência e que nos estimula cada vez mais a lutar pela categoria. O fisco forte resulta em um Estado forte e que trazer conquistas para toda a sociedade”, finaliza Couto.

© 2018 - SINDARE - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare