SINDARE - Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins
14/03/2011 - 15h31m

Procon: juros de cheque especial e empréstimo seguem em alta

 

 

 

 

As taxas de juros cobradas por sete bancos brasileiros para o cheque especial e empréstimo pessoal subiram mais uma vez em março, de acordo com pesquisa divulgada pelo Procon-SP nesta segunda-feira. A instituição verificou média de 5,42% ao mês para o empréstimo, acima dos 5,39% de fevereiro, e 9,31% para o cheque especial, também superior aos 9,29% do mês passado.

 

 

 

Apenas dois bancos foram responsáveis pela elevação da taxa em março. O HSBC elevou a taxa de empréstimo pessoal de 4,30% para 4,5% ao mês, e a Caixa Econômica Federal alterou a taxa do cheque especial de 7,15% para 7,31%. Os dados coletados a taxas máximas pré-fixadas para clientes não preferenciais.

 

 

 

"A tendência é de elevação das taxas e, portanto, o consumidor deve ficar atento. A falta de planejamento, a impulsividade na hora de consumir e a facilidade de contratação levam, muitas vezes, o consumidor a solicitar um empréstimo sem necessidade ou a assumir dívidas além de suas possibilidades de pagamento. É bom lembrar que o juro real brasileiro continua sendo o maior do mundo", afirma o Procon-SP em nota.

 

 

 

Confira as taxas (ao mês) apuradas na pesquisa do Procon-SP:

 

 

 

 

Empréstimo pessoal
Banco do Brasil - 5,28%
Bradesco - 6,04%
Caixa Econômica Federal - 4,78%
HSBC - 4,50%
Itaú Unibanco - 6,30%
Safra - 5,40%
Santander - 5,63%

 

 

 

 

 

Cheque especial:
Banco do Brasil - 8,15%
Bradesco - 8,79%
Caixa Econômica Federal - 7,31%
HSBC - 9,80%
Itaú Unibanco - 8,85%
Safra - 12,30%
Santander - 9,96%

 

Fonte: site economia Terra

© 2018 - SINDARE - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare