SINDARE - Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins
28/12/2010 - 19h25m

CONFIRA O PERFIL DOS NOMES ANUNCIADOS PARA O QUARTO GOVERNO SIQUEIRA CAMPOS

 

Renan de Arimatéa Pereira – secretário-chefe da Casa Civil
Tem 68 anos e é natural de Porto Franco (MA). Formado em Direito e Letras Modernas, pós-graduado em Direito Econômico. Foi inspetor de Finanças do Estado de Goiás, diretor administrativo da Secretaria de Agricultura de Goiás, procurador-geral da Superintendência de Desenvolvimento da Pesca,juiz de Direito do Estado de Goiás nas comarcas de Dianópolis, Filadélfia, Bom Jesus de Goiás e Itaberaí. Foi secretário-chefe da Casa Civil do Tocantins por mais de 5 anos, chefe de gabinete do presidente do TCE/TO, advogado militante nas comarcas do Estado do Tocantins. Recebeu o título de cidadão nas cidades de Dianópolis, Bom Jesus de Goiás e Itaberaí. Membro da Ordem do Mérito Tocantins, no grau de grande oficial/chanceler.

Lúcio Mascarenhas Martins – Secretário da Administração
Tem 52 anos, é casado há 23 anos e pai de 6 filhos. É natural de São Paulo., formado em Direito. É servidor de carreira do Estado, onde desempenhou o cargo de Analista Técnico Jurídico do Quadro Geral do Estado. Foi titular do cargo de diretor jurídico da casa civil por 6 anos. Foi diretor de desenvolvimento organizacional da Prefeitura de Manaus. Atuou como consultor no governo de Roraima no Judiciário do Estado do Amazonas e do Estado do Pará.

Eldon Manoel Barbosa Carvalho – Controlador Geral do Estado
Tem 43 anos e é natural de Almas (TO). Formado em Ciências Contábeis. Foi vice-prefeito de Almas por dois mandatos, secretário de Administração de Almas, e secretário de Finanças de Taguatinga.

Bruno Nolasco de Carvalho – Procurador Geral do Estado
Tem 30 anos. É advogado, com pós-gradução em Direito Tributário, Direito Público e doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais. Foi aprovado nos concursos para procurador do município de Franca (SP), procurador do município de Ferraz de Vasconcelos (SP) e advogado do município de Itapeva (SP). Foi procurador do município de Campos do Jordão (SP), defensor público do Estado do Tocantins. É professor universitário e atual procurador do Estado do Tocantins.

Adelmo Aires Júnior – subprocurador geral do Estado
Tem 48 anos e é natural de Gurupi. Advogado, pós-graduado em Direito Civil e Processo Civil. Foi auditor de rendas do Estado do Tocantins, inspetor geral, delegado fiscal e coordenador de Tributação e Fiscalização da Secretaria da Fazenda. É procurador do Estado. Na Procuradoria, exerceu as funções de assessor especial, coordenador da Procuradoria Fiscal e coordenador da Procuradoria Judicial. É conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil.

Deocleciano Gomes Filho – corregedor da Procuradoria Geral do Estado
Tem 49 anos e é natural de Goiânia. Advogado, pós-graduado em Administração Educacional e Ciências Políticas e Desenvolvimento Estratégico. Foi chefe da Assessoria Técnica e chefe de gabinete da Secretaria da Administração, secretário-chefe da Casa Civil da Prefeitura de Palmas, chefe de gabinete e secretário de Assistência Social de Palmas. Participou da elaboração do projeto do primeiro curso de Direito da Unitins (hoje UFT), do qual foi o primeiro coordenador eleito e professor. Atual presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/TO e membro da Comissão de Direitos Difusos e Coletivos do Conselho Federal da OAB.

Giácomo Francisco Santoro – secretário-executivo de Segurança Pública
Tem 47 anos e é natural do Rio de Janeiro, há 8 anos em Brasília. Formado em Direito, pós-graduado em Segurança Pública. Foi policial civil e diretor da Assessoria de Planejamento da Polícia Civil do Rio de Janeiro. É oficial da reserva do Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil. É delegado da Polícia Federal e chefiou várias delegacias na fronteira com a Bolívia, integrou a coordenação da Operação Opatakon II, responsável pela desocupação e demarcação das terras indígenas em Roraima. Integra a Comissão Disciplinar da Corregedoria Geral lotado no edifício-sede da Polícia Federal em Brasília.

Omar Henneman – Secretário das Oportunidades
Tem 54 anos e está no Tocantins há 20 anos. Formado emAdministração de Empresas, mestre em Inteligência Competitiva pela Universidade de Marselha. É conferencista e consultor estratégico. Foi superintendente do Sebrae/TO, secretário estadual do Planejamento do Tocantins e superintendente nacional do SENAR.

Raimundo Rocha – subsecretário das Oportunidades
Tem 39 anos e é natural de Barrolândia. Formado em Ciências Contábeis. É empresário da área contábil e prestador de serviços para 10 municípios do Tocantins. Foi funcionário do Estado, contador do IPETINS e coordenador de Pesquisas e Informações da SEPLAN.

Edmundo Galdino da Silva – presidente da Agência Tocantinense de Saneamento (ATS)
Tem 52 anos, natural de Araguaína. Cursou História e Direito (incompletos). Foi do movimento estudantil em Goiânia, vereador de Araguaína, deputado estadual eleito por Goiás, foi educador sindical pela FETAEG, deputado federal já pelo Tocantins por dois mandatos e assumiu dois novos mandatos como suplente. Foi diretor nacional de Finanças e Administração do INCRA e chefe da Assessoria Especial da Presidência do INCRA.

 

Fonte: Portal CT

© 2018 - SINDARE - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare