SINDARE - Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins
09/11/2011 - 20h11m

OPERAÇÃO NACIONAL CONTRA A SONEGAÇÃO FISCAL JÁ ESTÁ ATIVA NO ESPÍRITO SANTO

 
Uma operação de combate nacional à sonegação está sendo montada no Espírito Santo e em mais 17 estados brasileiros, além do Distrito Federal. Em todo o Brasil, os Ministérios Públicos Estaduais junto as Secretárias de Estado da Fazenda Estaduais,  formularam 473 denúncias envolvendo 480 empresas e 765 pessoas. Este é o terceiro ano consecutivo em que a mobilização é realizada no Espírito Santo e em Pernambuco, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Amazonas, Amapá, Paraíba, Ceará, Sergipe, Pará, Minas Gerais, Bahia, Rio de Janeiro, Paraná e Distrito Federal. No Espírito Santo cerca de 160 auditores estão envolvidos na operação que visa fiscalizar 1.100 empresas nas cidades de Vitória, Vila Velha, Serra, Guarapari, Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, Mimoso do Sul, São Gabriel da Palha e Iúna. Os seguimentos empresariais investigados são de bens generalizados como postos de gasolina, setor de mármore e granito, café e atacadistas em geral. Em Vitória, a sede de uma TV a cabo e internet ficou fechada nesta quarta-feira (09). No estabelecimento, foram recolhidos documentos, como contratos e HDs. Localizada no Bairro Jardim da Penha, na conhecida “rua do canal” a operação levou o nome de Canal Livre. A sede de TV possui seis afiliadas no Espírito Santo: Vitória, Aracruz, Guarapari, Linhares, Colatina e São Mateus. A ação na capital foi realizada também no escritório de contabilidade da empresa, no bairro Enseada do Suá. O sub-secretário da Fazenda, Gustavo Guerra, comentou a operação Canal Livre. “É uma operação para a apreensão de documentos e arquivos magnéticos na tentativa de identificar omissão de receita. Em princípio, o que foi levantado é que existe uma divergência entre o que os assinantes pagam e aquilo que é declarado ao Governo como Receita”, explicou. Com informações: site FENAFISCO
© 2018 - SINDARE - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare