SINDARE - Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins
14/10/2016 - 23h55m

E A INFORMÁTICA DA SEFAZ? CADA VEZ PIOR

 

Há um conhecido adágio popular muito utilizado no nordeste brasileiro, mas não só, que diz "além da queda coice". Serve para fazer alusão a situação porque passa a Secretaria da Fazenda do Estado do Tocantins. O secretário Paulo Antenor, parece não querer ouvir. Faz que não percebe a clara situação porque passa a gestão (ou falta de) de duas importantes superintendências da SEFAZ. Como se não bastasse a inércia da Superintendência de Gestão Tributária, cada vez mais sindicalizada, também a Superintendência de Informática (Tecnologia) escancara a sua insofismável carência de competência no seu comando. As queixas não apenas dos contribuintes e contadores, mas, também - e até mais intensamente - dos auditores fiscais, notadamente dos que realizam trabalhos de auditoria de grandes empresas, que tem os seus serviços prejudicados pela falta de informações - banco de dados inacessível ou insubsistente -  e pelas cada vez mais frequentes psslisações do sistema como um todos ou quedas do SIAT.

© 2012 - SINDARE - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por ConsulteWare